Trio é preso em flagrante ao fazer compra com “cartão clonado”, em Imperatriz

0
Parceiro Indicador

Um dos suspeitos é da cidade de Açailândia onde é bastante conhecidoestelionatariosPoliciais do Plantão Central da Delegacia Regional de Polícia Civil em Imperatriz prenderam na última quinta-feira (29), três homens acusados de estelionato em um shopping da cidade. Os policiais civis, comandados pelo delegado Fairlano Aires de Azevedo, receberam denúncia de que os três homens estavam realizando compras com um cartão clonado na loja D’Marcas, em um shopping.

Os policiais chegaram ao local indicado na denúncia e prenderam Wanderly de Sousa Santos, 36 anos; Wesley Vieira de Souza, 29 anos, e Luciclésio Couto Gomes, 33 anos. Foram apreendidas várias mercadorias que os acusados já tinham adquirido em outras lojas da cidade. Eles usavam um cartão de crédito do Banco do Brasil de propriedade de uma mulher da cidade de Londrina, estado do Paraná.

Além da loja D’Marcas, onde o trio foi preso em flagrante, foram vítimas a Conecta, Phone.Com e Megainfo. Segundo o delegado Fairlano Aires de Azevedo, que é titular da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente – DPCA, e trabalhou no plantão de ontem durante o dia, as compras chegaram a quase R$ 37 mil. O cartão tem um limite de R$ 40 mil. Segundo a polícia, esse pessoal vem praticando crimes há muito tempo em Imperatriz, como também em outras cidades do Maranhão e Tocantins.

Os três foram autuados em flagrante delito por estelionato e receptação, ambos crimes afiançáveis. Parte da mercadoria apreendida foi devolvida aos proprietários.

Por: O PROGRESSO

Deixe um comentário