MAIS POLÊMICA: Todos os vereadores aprovaram a lei municipal dos bombeiros civis, e agora um deles quer dar pra trás

0
Parceiro Indicador

O projeto de lei municipal dos bombeiros civis aprovado pelos próprios vereadores, vem sendo o principal assunto na boca dos promotores de eventos de Codó, o ‘bafafá’ parece não ter mais fim, ontem publicamos uma matéria dessa lei, que está causando um ‘disse me disse’. (reveja aqui)

O  vereador e presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, Rômulo Vasconcelos, parece não está satisfeito com a lei que o mesmo aprovou junto com os outros vereadores, na ultima sessão realizada, o vereador aproveitou de seu discurso para criticar a lei que foi aprovada por ele mesmo e pelos colegas da casa.

MAS COMO É QUE PODE ISSO MEUAMIGO, APROVA A LEI E AGORA TÁ DANDO PRA TRÁS

Hora marrapaz, como é que um projeto de lei é analisado por todos os vereadores, depois levado para o prefeito sancionar, e agora apenas um ‘confuso’ vem criticar e querer reprovar a lei? vejo assim, se era pra ter algum problema em cima dela, então era pra ter detectado antes de aprovar, e não agora, que somente o vereador Rômulo está botando o pé na parede, parece está meio confuso, para um vereador, e presidente da Comissão de Constituição da câmara municipal, fica muito feio está envolvido nesse “disse me disse”.

DISSE ME DISSE PRA LÁ, DISSE ME DISSE PRA CÁ

O vereador na ultima sessão, ressaltou em que o comandante do bombeiro civil disse que iria cobrar uma taxa de 150,00 reais por bombeiro em eventos, e que o bc não pode fechar festas, mas em nota, o comandante diz que essas informações nunca existiram, e que ele nunca passou esses comunicados pra nenhum promotor de evento, e que sabe muito bem que quem faz a vistoria, é o Bombeiro Militar, e que o mentiroso preço de 150,00 reais, também nunca foi dito por ele, que segundo ele é só mentira de quem disse isso.

Veja nota na matéria postada no blog do Acélio, o comandante do bombeiro civil dar resposta para o vereador Rômulo Vasconcelos 


Sobre o que o vereador falou sobre a nossa classe, venho aqui deixar bem claro que jamais falamos que iriamos fiscalizar bares e festas, porque nós sabemos que quem faz isso é o Bombeiro Militar, e é ossada deles, e sobre a taxa aqui no Bombeiro Civil, não existe taxa, existe um pagamento em prestação de serviço, como qualquer outra instituição privada, e o valor é 100,00 reais, e deixo claro também que eventos que não tiverem fins lucrativos, e o bombeiro civil for solicitado através de ofício, vamos VOLUNTARIAMENTE para somar com o EVENTO.

Publicidade

Deixe um comentário